Plantão
Turismo em Mato Grosso

Conheça Aripuanã; um pedacinho do paraíso em Mato Grosso/Brasil

Publicado dia 25/04/2020 às 00h54min | Atualizado dia 25/04/2020 às 01h08min
Na estrada que dá acesso à cidade, belas paisagens com enormes e centenárias arvores dão as boas-vindas aos visitantes

Divulgação

O município localizado a cerca de 998 km de Cuiabá, capital de Mato Grosso, é uma das cidades com maior potencial turístico no Estado, por ser rico em belezas naturais. O portal conhecendomt.com.br esteve na cidade Aripuanã em 2015. 
 
Paredões de pedra cortando a paisagem, rios cristalinos e belíssimas cachoeiras são alguns dos atrativos da cidade, que oferece ótimas condições para a prática de diversas modalidades de turismo entre eles o de aventura, como rafting, rapel, boia-cross, escalada, caiaque e outros. 
 
Araras, tucanos, papagaios, corujas e tantas outras aves fazem de Aripuanã um lugar mais que especial para o turismo de observação de pássaros. O lugar possui mais de 400 espécies de pássaros catalogados. 
 
Aripuanã é o 2º no Ranking de Mato Grosso e 5º no Brasil com o maior número de espécies identificadas.  
 
As cachoeiras das Andorinhas e Dardanelos são pontos turísticos imperdíveis para quem visita à região.  
 
A cidade possui balneários com refrescantes piscinas naturais, com facilidade de acesso. 
 
A vegetação predominante é de floresta amazônica. 
 
O guia Marcio Palharini nos guiou pelos caminhos até as belas cachoeiras. 
 
Balneário Oasis 
 
A dica do portal conhecendomt.com.br, para quem está em Aripuanã, é aproveitar e fazer uma visita no Balneário Oasis, se refrescar nas águas cristalinas das piscinas naturais e saborear pratos deliciosos no restaurante localizado no local.
 
O acesso ao Balneário Oasis é gratuito. O restaurante situado no local atende de terça a domingo.
 
Saiba mais sobre Aripuanã, município que se localiza ao noroeste do Estado de Mato Grosso. 
 
Aripuanã é uma cidade em desenvolvimento que tem conseguido superar os obstáculos para seu crescimento. 
 
O nome Aripuanã é referência ao Rio Aripuanã, que margeia a cidade.  
 
Exemplo do uso da palavra Aripuanã: 
 
Aripuanã em tupi-guarani significa: ¨palmeira fibrosa¨ ( ari(airi)=palmeira + puanã (encorpado,fibroso). 
 
A origem do nome Aripuanã é indígena Apiacá, que significa Água de Pedra.   
 
Os principais rios são: Aripuanã, Roosevelt, Guariba, Canamã, Capitari Furquim e Rio Branco.  
 
De acordo com informações dos funcionários da prefeitura, a população da cidade de Aripuanã, atualmente, é de 30 mil habitantes entre urbano, rural e indígenas.   
 
Em Aripuanã, estivemos em um lugar chamado "Pouso milagroso" que é um santuário de pássaros. 
 
A história do nome "Pouso milagroso" 
 
Em janeiro de 2005 o avião que transportava o prefeito de Colniza, (município localizado a cerca de 1200 km da capital de MT) o seu vice e outras pessoas caiu e ficou pendurado nos galhos das arvores a uma altura de quatro metros, mas todos os tripulantes se salvaram, por isso o lugar ganhou o nome de "Pouso milagroso," mas também poderia se chamar recanto das araras por ser o lugar preferido dos pássaros, dessa espécie, para construir seus ninhos. 
 
Como chegar em Aripuanã  
 
Existem três maneiras de chegar em Aripuanã, partindo da capital Cuiabá, de carro, avião ou de ônibus. 
 
De carro 
 
Para chegar em Aripuanã de carro é preciso percorrer cerca de 750 km até Juína (por estrada asfaltada) e mais 248 em estrada de chão, nos dias em que nos do portal conhecendomt.com.br estivemos na cidade a estrada se encontrava em boas condições de trafegabilidade.  
 
De avião 
 
Também é possível chegar a cidade de avião através da empresa ASTA – América do Sul Táxi Aéreo que oferece serviços de transporte de cargas e passageiros.  O aeroporto está a menos de 2 mil metros do centro da cidade. 
 
De ônibus
 
A Rodoviária Aripuanã é atendida pela empresa TUT Transportes, com sede em Cuiabá.  
 
A melhor época para visitar a cidade para quem quer chegar o mais próximo das cachoeiras é entre os meses de agosto a novembro. Já para contemplação da natureza é de dezembro a julho. 
 
Seja qual for a época do ano que você vá para Aripuanã, leve sempre um sapato fechado para fazer os passeios, bem como calça resistente e blusas leves, preferencialmente de manga comprida, quando for caminhar na mata, chapéu e bonés são muito bem-vindos devido à alta incidência solar, protetor solar e repelente para insetos.
 
 
Para melhor ver os animais e aves ande sempre com um binóculo e se quiser retratar bem a fauna e flora, leve a melhor máquina fotográfica que tiver, preferencialmente com um bom zoom e um estabilizador de imagem, devido a rapidez dos animais.
 
 
De acordo com informações, o município de Aripuanã, atualmente tem uma área de 24.603,13Km2, no passado chamou a atenção pela sua dimensão territorial, que em 1943, ao ser criado, passou a ser um dos maiores municípios do mundo com uma área de 145.510Km2, abrangendo os territórios dos atuais municípios de Alta Floresta, Apiacás, Nova Bandeirante, Castanheira, Cotriguaçú, Juina, Juruena, Nova Monte Verde, Paranaíta, Rondolândia e Colniza. 
 
 
Atualmente, carrega poucas características dos difíceis anos passados, sendo considerado um ótimo lugar para se viver, registrando um grande desenvolvimento socioeconômico e reconhecidas melhorias de infraestrutura básica, principalmente, na saúde, na educação e estradas.
 
 
Sua base econômica está alicerçada na indústria extrativa, principalmente a madeireira, na agropecuária e mais recentemente no turismo. Principalmente no de negócios. 
 
 
O endereço da prefeitura de Aripuanã é Praça São Francisco de Assis nº 128, centro- CEP: 78.325-000.
 
 
O número de telefone da prefeitura é Aripuanã é (66) 3565-3900.
 
 
Um artista em Aripuanã 
 
Em nossa visita a cidade conhecemos um homem com uma extraordinária habilidade para a arte de esculpir na madeira, o catarinense Elpidio Vargas Marafigo (neto) de 63 anos, um dos moradores de Aripuanã.
 
 
Nas mãos do escultor pedaços de madeiras (que para muita gente não serviriam para nada) se transformam em verdadeiras obras de arte com uma enorme riqueza nos detalhes.
 
 
Suas obras são confeccionadas com madeiras de aproveitamento (material encontrado em abundância na região). Com ferramentas produzidas pelo próprio artista, ele cria belíssimas peças. 
 
 
Algumas das obras de Marafigo enfeitam o Hits Amazônia Hotel, situado na cidade.
 
 
Por Gabriela Von Eye

 

 
Fonte: Fonte:conhecendomt.com.br

Tags Populares



Fale Conosco

Cuiabá Cuiabá/MT
(65) 9964-9239 | (65) 9845-53839 | (65) 3665-3839
contato@conhecendomt.com.br