Museu do Morro da Caixa D’Água Velha é revitalizado e abriga nova exposição

0
77
A revitalização do Museu do Morro da Caixa D’Água Velha foi entregue na última quarta-feira (24) pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. Junto com a obra, foi lançada também uma exposição, que fica aberta à visitação por trinta dias.
Localizado na região central, o museu faz parte da história da cidade e é um dos mais visitados por cuiabanos e turistas. O Morro da Caixa D’Água foi construído no século XIX, e por mais de 140 anos foi o único reservatório da cidade. 
Durante esse período, a estrutura recebia água diretamente do Rio Cuiabá e distribuía para as bicas espalhadas em diferentes pontos do município. As caixas, submersas e formadas por duas galerias, tinham capacidade para armazenar mais de um milhão de litros de água.
Nas obras de revitalização, a Prefeitura garantiu melhorias na iluminação, jardinagem e paisagismo, pintura, instalação de bancos e lixeiras e recuperação do quiosque e da estrutura de atendimento aos visitantes. Além disso, como forma de melhorar o interior da estrutura, também foram instalados três aparelhos de ares-condicionados.
O processo foi efetuado por meio de parceria entre as secretarias municipais de Serviços Urbanos; Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano; e Cultura, Esporte e Turismo. 

A exposição lançada na última quarta (24) tem entrada gratuita, e traz obras de artistas como Odete Venâncio, Benedito Nunes, Adriano Nascimento, Rita Ximenes, Zilda Barradas e Waldemar. As escolas e demais instituições que quiserem fazer a visitação devem realizar agendamento com antecedência na coordenação do museu.