?Várzea Grande realiza 1ª Feira Cultural 

0
193

A primeira Feira Cultural da Casa de Artes Varzeagrandense acontece no próximo dia sete de outubro, e, antes disso, a casa está em ritmo acelerado na organização do evento. Buscando resgatar o local como elo entre a produção de cultura de VG e a sociedade, a feira procura ser o ponto de partida para revitalização da Casa, local de fomento da cultura varzeagrandense.

O evento vai homenagear os segmentos culturais da cidade e estimular os artistas da terra nas diversas manifestações artísticas, seja na dança, nas artes plásticas, na música e no artesanato, resgatando os símbolos da cultura local.

Contribuindo para a 1ª Feira Cultural, o artista plástico Osíris Paulo de Almeida finalizou na manhã da última quinta (17) um painel interno da Casa de Artes, que retrata não apenas as tradições culturais como o Siriri, a pesca, a viola-de-cocho, a fauna representada no tuiuiú e na arara azul, como também o colorido que representa bem a hospitalidade e simpatia do povo varzeagrandense.

Para a obra, que será uma das grandes vitrines da Feira Cultural, Osíris utilizou tintas látex e acrílico fosco: “Meu estilo é arte. Eu produzo arte. Sempre que pinto gosto de utilizar elementos que estimulem a imaginação”, afirmou.

A obra vai ficar para a Casa de Artes, e Osíris explica que seguiu a linha do cubismo, ao utilizar formas e linhas
geométricas. “Num olhar mais atento, pode-se perceber que as linhas que formam as dançarinas levam à cabeça do tuiuiú, da barra da saia delas saem peixes, pelo painel temos peixes fisgados, pescador na canoa, enfim, é preciso um olhar atento porque eu não destaco essas linhas divisórias na cor preta, confesso que deixo as coisas à mercê da percepção do observador da arte”.

A Casa de Artes de Várzea Grande está localizada na Avenida Couto Magalhães, nº 1.428, Centro, ao lado da Praça Aquidaban.

Da Redação com Assessoria