MISC vai homenagear benzedeiras com vasta programação cultural

0
45

O décimo encontro da ‘Ciranda de Crioula’ acontece no próximo dia 17 de novembro, a partir das 17h, no Museu da Imagem e do Som. Desta vez, em homenagem ao Dia da Consciência Negra, o evento terá uma programação especial voltada para falar sobre as benzedeiras, que mantém as tradições sagrada da cultura afro-brasileira.

De acordo com a assessoria, o objetivo é valorizar a cultura negra mato-grossense através de um sarau com participação livre, além de roda cultural com artistas convidados, roda de umbigada (dança tradicional dos quilombolas), roda de capoeira e vasta programação cultural.

O encontro vai homenagear mulheres benzedeiras e anciãs, que são figuras marcantes em Cuiabá, mantendo vivos os costumes sagrados de várias tradições. A programação cria intercambio entre artistas, professores, quilombolas, estudantes, pesquisadores e a comunidade, com o intuito de valorização da memória e arte mato-grossenses.

Confira a programação:

17h – Abertura
18h – Poeta e cantora Pacha Ana – Sarau e Canto
20h30 – Poetas: Anderson Domingos, Bruno Rodrigues, Caio Augusto Ribeiro, Cao Benassi, Carlos Lisboa, Cássio Martins, Edilaine Duarte, Jantony Rá, Kyanaju Afropoetisa, Lindalva Alves, Luck Mamute, Luiz Renato, Moises Carlos, Naine Terena e Silviane Ramos – Roda da Benção; Cânticos Sagrados com Grupo Aguerê; Umbigada e Samba de Roda com Érica Salles e Natalia Ramires; Capoeira Angola UFMT

Serviço

Ciranda de Crioula – samba de benção
Data: Sábado, 17 de novembro
Horário: 17h
Local: Museu da Imagem e do Som.