Cultura

Concerto da Orquestra da UFMT traz Derico Sciotti sob regência de Léo Cunha

Com o objetivo de destacar a música brasileira, a Orquestra Sinfônica da Universidade Federal de Mato Grosso (USUFMT) traz ao palco da universidade, nos próximos dias 16 e 17 de junho, o músico Derico Sciotti e o solista e maestro Léo Cunha.

A direção musical do espetáculo será do maestro Fabrício Carvalho, que desta vez cede seu lugar a Léo. “Para a OSUFMT também é produtivo, acompanhar outra dinâmica, outro estilo. Será, certamente, um concerto de muita competência”, observa Carvalho. Léo Cunha é mestre em Música e bacharel em Violino pela Escola de Música da UFMG, e já regeu a Orquestra Sinfônica Collegium Musicum de Potsdam, na Alemanha, num concerto de músicas brasileiras em junho de 2011.

No espetáculo, segundo Fabrício, será apresentado um repertório formado por canções populares e que estão no imaginário coletivo do brasileiro. O músico Derico, por exemplo, executará três tipos de saxofone, além de outras surpresas, e tocará Apanhei-te Cavaquinho, de Ernesto Nazareth; Potpourri Tom Jobim, com canções de Tom Jobim e Vinícius de Moraes; De Gonzaga a Sivuca, com músicas de Luiz Gonzaga e Sivuca; Homenagem a Dominguinhos, recheada de composições de Dominguinhos e Luiz Gonzaga, Não quero dinheiro, de Tim Maia. O play list conta também com hits de música instrumental como Jazzin’ Orchestra – Medley; The Long and Winding Road – The Beatles; Eleanor Rigby – The Beatles; Indiana Jones Theme – John Williams e Gonna Fly Now – Bill Conti.

“Dentre os instrumentistas brasileiros, o Derico versa pela música pop, pela instrumentalidade, sendo respeitado nacionalmente, e ainda acumula performance expressiva, lapidada pela participação há anos no programa do Jô”, comenta Fabricio.

Derico começou seus estudos de flauta aos 5 anos de idade, e aos 11 já tocava profissionalmente. O músico obteve repercussão nacional a partir de 1974, quando ganhou concursos nacionais e internacionais para jovens instrumentistas. Nesta época, com 14 anos, foi “spala” (primeiro flautista) da Orquestra Jovem Municipal de São Paulo e participou do Festival de Inverno de Campos do Jordão, em 1980, sob a regência do maestro Eleazar de Carvalho.

Durante sua carreira, tornou-se multi-instrumentista e partiu para uma carreira mais popular, chegando a trabalhar com Dominguinhos, Diana Pequeno, Marlui Miranda, Jean & Paulo Garfunkel, Amelinha, Trovadores Urbanos, Ana de Hollanda, Celso Viáfora, Márcia Salomon, Chico César, Eliete Negreiros, além de participar com o Grupo Ânima de shows com Hermeto Paschoal, Egberto Gismonti, Itamar Assumpção, Arrigo Barnabé e Grupo Rumo. Derico ficou conhecido nacionalmente ao comandar o Sexteto no Programa do Jô.

Os concertos dos dias 16 e 17 de junho da OSUFMT integram a Temporada 2016, uma realização da UFMT, por meio da PROCEV – Pró-reitoria de Cultura, Extensão e Vivência, e apoio do Varadero. Os ingressos estão disponíveis na Casa de Festas e no site ingressosmt.com.br.

Serviço

O Quê: Concerto da OSUFMT com o solista Derico Sciotti, sob a regência de Léo Cunha
Quando: dias 16 e 17 de junho
Horário: 20 horas
Local: Teatro da UFMT – Cuiabá
Ingressos: R$40 (inteira); R$20 (meia)